Notícias

Imprimir

Governo federal apresenta medidas para escoamento da safra de grãos 2014/2015

13/01/2015

Os ministros da Agricultura, Kátia Abreu, dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, e da Secretaria de Portos, Edinho Araújo, apresentaram nesta terça-feira (13/01) ações estratégicas para viabilizar o escoamento da safra agrícola 2014/2015, com a perspectiva de novo recorde de safra com mais de 200 milhões de toneladas de grãos, principalmente soja, segundo estimativas da Conab. O objetivo é dar continuidade às ações adotadas para evitar congestionamentos de veículos no corredor de acesso ao Porto de Santos, além de melhorias na infraestrutura dos corredores multimodais do Arco Norte nos estados do Mato Grosso, Rondônia, Amazonas, Tocantins e Maranhão.  Entre outras medidas o ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, informou que “as obras da BR-163/PA estão em andamento e até 2016 os 136 km restantes estarão pavimentados”. O secretário executivo do Ministério dos Transportes, Anivaldo Vale, complementou destacando “a importância dos investimentos na integração dos modais rodoviário, hidroviário e ferroviário para o escoamento da safra”. O ministro também comentou sobre os investimentos a serem realizados na Hidrovia Tietê, no valor de R$ 2,1 bilhões, em parceria com o governo do Estado de São Paulo, para o segundo semestre deste ano.

As medidas são resultado da ação integrada de planejamento do grupo de trabalho formado por técnicos dos ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, dos Transportes e da Secretaria de Portos, com a participação do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Agência Nacional de Transporte Aquaviário (Antaq), Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), Confederação Nacional do Transporte (CNT), e Confederação Nacional da Agricultura (CNA).

 

CONFIRA AS AÇÕES DO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES

TODOS OS CORREDORES

  •  Garantia de boas condições de trafegabilidade nas rodovias

  

ARCO NORTE

  • Melhorias na infraestrutura para utilização de corredores multimodais em 6 estados (MT/RO/AM/PA/TO/MA):
    • Garantia de trafegabilidade na BR-163/MT/PA entre Sorriso/MT e Miritituba/PA (945 km)
      •  Trechos pavimentados (809 km) –  completar a contratação da manutenção em todo segmento
      •  Trechos não pavimentados (136 km) – previstas adicionalmente as seguintes intervenções:
        •  Colocação de cascalho em trechos de atoleiro
        •  Disponibilização de patrulhas de desencalhe (tratores) para socorro de veículos
      • Continuidade das obras de pavimentação da BR-163/PA e de duplicação da BR-163/364/MT
      • Manutenção das demais Rodovias do Arco Norte: BR-364/174/158
      • Dragagem do Rio Madeira (finalizada em nov/2014)
  • Incentivo à multimodalidade no Arco Norte: financiamento de 426 embarcações hidroviárias com recursos do FMM para operação nas Hidrovias do Madeira/Tapajós

 

CORREDOR DE ACESSO AO PORTO DE SANTOS

  • Aprimoramento da Fiscalização da ANTT – controle do agendamento e fiscalização de transporte:
    • Postos de fiscalização:
      • 4 fixos - Limeira/SP (Rodovias Bandeirantes e Anhanguera), Aparecida do Taboado/MS e Paranaíba/MS
      • 1 móvel - Três Lagoas/MS
      • Suporte de tecnologia em tempo real
  • Melhoria e qualificação da infraestrutura viária - duplicação de rodovias (DNIT e Concessionárias)
    • BR-060/GO (Goiânia – Jataí): concluída em out/2014
    • PIL Rodovias: Em andamento duplicação de 213 km nas BR-050/060/163
  • Incentivo ao Uso do modal ferroviário:
    •  Ampliação de Capacidade e Melhorias Operacionais no Acesso ao Porto
    • Duplicação da ferrovia entre Campinas e Santos (223 km) – 95,5% concluída – conclusão mar/2015.
    • Otimização da logística com aproveitamento do Complexo Intermodal de Rondonópolis/MT (Ferronorte) – permitirá transportar 10% mais que em 2014
    •  Fiscalização conjunta ANTT/ANTAQ para melhorar operação e infraestrutura ferroviária dentro do porto


Veja as ações de cada Pasta:

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Secretaria de Portos

 

Acesse as apresentações da coletiva:

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Ministério dos Transportes

Secretaria de Portos 

 

Fonte: Ministério dos Transportes 

 

Voltar

  • Invest&Export
  • Panorama
  • SIMBRACS - Catálogos de Oportunidades de Investimentos
  • Programa de Investimento em Energia Elétrica – PIEE
  • Relatorio de Anuncios de Investimentos
  • ApexBrasil
  • Portal Inovação
  • BNDES
  • SUFRAMA
Outras Notícias